Resenha de Misery – Louca Obsessão

download

Autor: Stephen King             Editora: Suma de Letras

Misery – Louca Obsessão é um livro do mestre do horror Stephen King, que eu já era super fã mesmo antes de ler algum livro dele Hahaha. Só pelas adaptações cinematográficas já dá pra saber que o cara é bom, mas confesso que o primeiro livro que tentei ler dele (Love) não me animou, já tentei ler três vezes e desisti, aí um belo dia eu ganho Misery de aniversário e esse sim me animou, me surpreendeu e me deixou super fã do escritor :D. Olhem a sinopse:

Paul Sheldon descobriu três coisas quase simultaneamente, uns dez dias após emergir da nuvem escura. A primeira foi que Annie Wilkes tinha bastante analgésico. A segunda, que ela era viciada em analgésicos. A terceira foi que Annie Wilkes era perigosamente louca. Paul Sheldon é um famoso escritor reconhecido pela série de best-sellers protagonizados por Misery Chastain. No dia em que termina de escrever um novo manuscrito, decide sair para comemorar, apesar da forte nevasca. Após derrapar e sofrer um grave acidente de carro, Paul é resgatado pela enfermeira aposentada Annie Wilkes, que surge em seu caminho. A simpática senhora é também uma leitora voraz que se autointitula a fã número um do autor. No entanto, o desfecho do último livro com a personagem Misery desperta na enfermeira seu lado mais sádico e psicótico. Profundamente abalada, Annie o isola em um quarto e inicia uma série de torturas e ameaças, que só chegará ao fim quando ele reescrever a narrativa com o final que ela considera apropriado. Ferido e debilitado, em ‘Misery – Louca obsessão’, Paul Sheldon terá que usar toda a criatividade para salvar a própria vida e, talvez, escapar deste pesadelo.

Imagina você terminar de escrever um livro e sair pra comemorar, sofrer um acidente e acordar na casa de uma desconhecida que te enche de analgésicos e não para de dizer que é sua fã número um, além disso, você tem até medo de olhar para suas pernas porque sabe que estão quebradas em diversos lugares e tortas por estarem se curando sem ajuda médica, pois é, é isso que acontece com Paul Sheldon.

Annie, que diz ser a fã número um de Paul é uma enfermeira aposentada que foi acusada de matar vários pacientes nos hospitais em que trabalhou, fica clara sua loucura, pois em diversas cenas ela apaga por um tempo e depois volta como se nada tivesse acontecido, além das rápidas mudanças de humor, e também pelaojeito ela tortura o escritor e por seus atos no passado.

A enfermeira não está contente com o final da série de livros de Misery Chastain escrita por Paul e quando ela encontra o escritor depois de um acidente vê a possibilidade de mudar o final dessa história. Ela obriga Paul a escrever uma continuação para Misery, um livro só para ela e o escritor se vê em meio a uma história como a das Mil e uma Noites, pois ele sabe que quando terminar o livro Annie não verá mais utilidade em mantê-lo vivo.

A história me deixou angustiada em vários momentos, ver o sofrimento do Paul, as torturas que ele aguentava, tanto as físicas, que eram horríveis, quanto as psicológicas, que eram piores ainda, me deixou enjoada em várias cenas. Eu ficava imaginando várias maneiras que matar a Annie! :O E me perguntava também quanto tempo mais o Paul aguentaria tudo aquilo. O tipo de medo que Stephen King traz no livro é esse medo que mexe com a mente do leitor, que pra mim é o tipo de livro de terror mais assustador.

Eu recomendo para quem tem estômago forte e gosta de histórias de terror, como esperava eu gostei muito. Leiam!!!

“Daquela vez a nuvem tinha sido mais escura, mais densa, de alguma forma mais suave. Havia uma sensação não de flutuar, mas de escorregar.” Pág. 232.

Por Amanda Padovan

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s