Resenha de Simplesmente Acontece

IMG_20151023_001140

Autora: Cecelia Ahern                    Editora: Novo Conceito

Simplesmente Acontece é um livro da Cecelia Ahern e deu origem ao filme de mesmo nome, foi o primeiro livro da autora que eu li, pra quem não sabe foi ela que escreveu P.S. Eu te Amo. Quando comprei já imaginava um romance daqueles bem fofinhos e tal, bem clichê, em que melhores amigos se apaixonam e não sabem o que fazer. Bom, é um romance com vários momentos fofos, mas não do jeito que eu imaginava, a autora me surpreendeu escrevendo um livro totalmente dierente do que eu imaginava. Vamos dar uma olhada na sinopse?

O que acontece quando duas pessoas que foram feitas uma para outra simplesmente não conseguem ficar juntas? Todo mundo acha que Rosie e Alex nasceram para ser um casal. Todo mundo menos eles mesmos. Grandes amigos desde criança, eles se separaram na adolescência, quando Alex se mudou com sua família para os Estados Unidos. Os dois não conseguiram mais se encontrar, mas, através dos anos, a amizade foi mantida através de emails, mensagens de texto, cartas, cartões-postais… Mesmo sofrendo com a distância, os dois aprenderam a viver um sem o outro. Só que o destino gosta de se divertir, e já mostrou que a história deles não termina assim, de maneira tão simples.

O livro é escrito em forma de cartas, bilhetes, e-mails, sms, postais e chats, o que faz com que as cenas sejam menos detalhadas e, às vezes, deixa a impressão de que está perdendo algo , por exemplo, estamos lendo um bilhete que eles escrevem aos 7 anos e na próxima carta eles estão com 12 anos falando sobre outra coisa, mas até que eu gostei, parece que você está lendo realmente bilhetes e lembranças de alguém.

Bom, na história Alex e Rosie são amigos de infância inseparáveis, até que Alex se muda de país, porém a amizade deles se mostra tão forte que é capaz de sobreviver à distância, durante toda a vida eles se comunicam através de cartas, e-mails e mensagens, é assim que eles conseguem o apoio um do outro pra enfrentar os obstáculos da adolescência e depois da vida adulta.

E com todo o apoio eles percebem que estão apaixonados, mas ambos tem medo de expor esse sentimento e estragar essa amizade tão especial e no momento que um deles toma coragem algo acontece e faz com que se eles desencontrem. Pra mim esse foi o livro dos desencontros, daquele tipo que te dá muita raiva e vontade de entrar no livro, dar um tapa na cara de cada um e dizer: deem as mãos, saiam daqui e vivam felizes para sempre, por favor!

Resumindo, ainda estou naquele momento que você não sabe o que falar do livro, não posso dizer que amei porque senti muita raiva com as coisas que aconteciam, mas também não posso falar que não gostei, porque me rendeu muitas risadas, momentos de fofura e lágrimas e eu realmente gostei do Alex e da Rosie. Então se você já leu me conte o que achou e se não leu, leia e me diga o que acha! Hahahaha

“Almas gêmeas sabem encontrar o caminho que leva uma a outra.”Pág. 269

Por Amanda Padovan

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s