Resenha de Primavera Eterna

É o primeiro amor que nos move por toda a vida?

IMG_1021

Autora: Paula Abreu                                                        Editora: Arqueiro

Hoje vim falar de um livro que achei a capa tão fofinha e a sinopse me agradou tanto que resolvi comprar, mesmo não conhecendo nada sobre ele ou sobre a autora.

Olhem a sinopse:

Maia é uma jovem publicitária bem-sucedida. Tem um emprego estável, um namoro estável, uma vidinha estável. Até demais. Certo dia, tentando imaginar como seria sua vida no futuro, o casamento, os filhos, visualiza duas crianças loirinhas correndo… Loirinhas? Então ela se dá conta de onde vem aquela cor de cabelos: Diogo, o menino por quem se apaixonou à primeira vista aos 12 anos, numa cidadezinha do interior, onde costumava passar os fins de semana com a família. Acontece que ele se mudou para os Estados Unidos há mais de dez anos, e a essa altura da vida, já nem deve se lembrar mais dela.

Mesmo assim, num impulso, Maia pede férias na agência, inventa uma viagem de trabalho como desculpa para o namorado e vai para Nova York, atrás do seu primeiro amor. Primavera Eterna é a história de uma jovem cheia de sonhos esquecidos, que ousa arriscar tudo o que tem e acaba encontrando a si mesma.

A vida de Maia parece perfeita, um bom emprego, um namorado legal, uma vida boa, mas um dia ela pensa: Será que é isso mesmo o que eu quero? Estou tendo a vida que sonhei, com o cara que sonhei?

É aí que ela se lembra do primeiro amor, um menino que ela conheceu quando criança e que nem se tornou seu namorado de verdade, devido a mudança repentina dele para Nova York. Então, mesmo sem saber nada dele, ela resolve tirar umas férias “da vida perfeita” e buscar seu sonho de criança, lá em Nova York, com seu amigo especial.

IMG_1204

Apesar de curtinho, com pouco mais de 120 páginas, o livro nos leva a refletir sobre nossa vida, sobre as escolhas que fazemos. Será que tenho o emprego que quero? Será que estou com a pessoa certa? Será que essa é a vida que quero pra mim?

E nos também nos deixa a pergunta: É o primeiro amor que nos move por toda a vida?

A autora mostra que não devemos nos conformar, mesmo que pareça tudo perfeito aos olhos dos outros, se não nos faz feliz, devemos correr atrás do que queremos!

Bom, acho que ficou claro que gostei muito do livro, não esperava tanto de um livro tão curto, foi uma boa surpresa e está super recomendado, não se deixem enganar pela quantidade de páginas! Espero que leiam e gostem tanto quanto eu!

IMG_1206

“Mas não havia mais como me enganar. Eu era um sistema de erros: um emprego estável pelo qual eu não era apaixonada, um namorado estável pelo qual eu não era apaixonada, uma vidinha estável pela qual eu não era apaixonada. (…) E estava lá. Uma ferida que não tinha sarado. Um remorso que, no fundo, era saudade de mim mesma, de tudo o que eu não tinha sido.” Pag. 57.

Por Amanda Padovan

Anúncios

7 comentários sobre “Resenha de Primavera Eterna

  1. Pingback: Lidos em Fevereiro | Nerdíssimos

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s