Resenha de O guardião do Tempo

IMG_1032

Autor: Mitch Albom                                                                    Editora: Arqueiro

Hoje vim falar do livro de um autor que eu sempre ouvi elogios e estava muito interessada em conhecer suas obras. O guardião do tempo, de Mitch Albom, me chamou atenção pela capa e pela sinopse e agora fiquei muito mais interessada pelo autor, preciso ler os outros livros dele já! Hahahaha

Vamos dar uma olhadinha na sinopse:

 Dhor sempre foi obcecado por enumerar coisas. Quando percebeu um padrão entre o nascer e o pôr do sol – que se repetiam um após o outro, infinitamente –, ele aprendeu a contar os dias. Ao descobrir que a lua mudava de forma e depois voltava ao seu formato original, passou a contar os meses. Sem saber, movido por uma curiosidade ingênua, Dhor estava aprisionando a maior dádiva de Deus: o tempo. E pagaria um preço alto por isso, sendo banido para uma caverna durante seis milênios. Imune aos efeitos dos anos, passava seus dias sozinho, forçado a ouvir as vozes das pessoas implorando por mais minutos, mais dias, mais anos – querendo esticar os momentos de felicidade e encolher os instantes de sofrimento. Depois de compreender o mal que havia criado ao fazer a vida girar em torno de um relógio, Dhor é mandado de volta à Terra com uma missão: ensinar a duas pessoas o verdadeiro sentido do tempo. Ele escolhe uma adolescente desiludida, prestes a pôr fim à própria vida, e um homem de negócios rico e poderoso que pretende desafiar a morte e viver para sempre. Cada um à sua maneira, eles precisam entender que o tempo é um dom precioso, que não pode ser desperdiçado nem manipulado. Para salvar a própria alma e concluir sua jornada, Dhor precisará salvá-los. Antes que o tempo se esgote – para todos.

O Guardião do tempo intercala três histórias, a de Dhor, o Pai do tempo, o primeiro homem a contar e enumerar as coisas, Sarah, uma adolescente acima do peso, depressiva, solitária e que sofre bulliyng no colégio e Victor, um milionário egoísta e egocêntrico com câncer terminal.

Dhor desde criança era obcecado por contar, aos poucos descobriu que podia contar os dias e meses e a marcar o tempo, por isso Deus o condena a ser o Pai do Tempo e passar seis milênios preso em uma caverna, ouvindo os pedidos por mais ou menos tempo, de todas as pessoas do mundo. Depois de cumprir sua pena, o Pai do Tempo é mandado para a Terra com a missão de ajudar duas pessoas, uma que pedia por mais e outra que pedia por menos tempo.

Os escolhidos são Sarah, uma jovem depressiva, que depois de uma desilusão amorosa, quer que sua vida dure o menor tempo possível e Victor, um empresário, doente em estágio terminal, que quer enganar a morte a todo custo. A missão de Dhor é fazê-los entender que é errado manipular o tempo e que as consequências podem ser bem ruins, como foi para ele.

IMG_1202

É um livro bem rápido de ler, os capítulos são curtos e com várias frases em negrito e acho que se encaixa tanto no gênero ficção quanto autoajuda, a narrativa de Albom é envolvente e a mensagem do livro é linda. O Guardião do Tempo nos faz refletir sobre como nos apegamos ao relógio e vivemos escravos do tempo, e que pensamos muito no passado ou no futuro, por isso acabamos não aproveitando o agora.

Achei o livro fantástico e só posso elogiar a obra e recomendar a todos!

IMG_1203

“- Não. Nesta caverna, não envelhecerás um só instante.

– Não mereço essa dádiva.

– Não é uma dádiva – retrucou o ancião.” Pag. 49.

Por Amanda Padovan

Anúncios

3 comentários sobre “Resenha de O guardião do Tempo

  1. Ual, eu adoro livros com essa temática e gostaria de que houvessem muitos mais. O tempo é algo infinitamente mágico e quando você disse que ele encontrou uma pessoa que queria menos tempo e a outra mais, eu lembrei da frase que sempre rola nas redes sociais de que se vivermos o dia de hoje nunca saberemos se tivemos um dia a mais ou se nos resta um dia a menos. Ótima resenha!

    Curtido por 1 pessoa

  2. Pingback: Lidos em Fevereiro | Nerdíssimos

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s