QUOTES – O ÚLTIMO ADEUS

DSC04757

“Nasci com números no cérebro. Penso em equações. O que eu faria, se conseguisse escrever e produzir algo útil, seria pegar minhas lembranças, esses momentos efêmeros e dolorosos da minha vida, e encontrar uma maneira de soma-los, subtraí-los e dividi-los, inserir variáveis e movê-los, tentar isolá-los, descobrir seus sentidos ilusórios, traduzi-los de possibilidades a certezas.” Pag. 16.

“A caneta não parece natural na minha mão. É muito mais pesada do que o lápis. Permanente. Não existem borrachas na vida.

Eu riscaria tudo e começaria de novo.” Pág. 16.

“Claro, não faz sentido ficar brava. É improdutivo. Eles ainda não entendem. Que estão esperando por aquele telefonema que mudará tudo. Que cada um vai acabar se sentido como eu. Porque alguém que eles amam vai morrer. É uma das certezas cruéis da vida.” Pág. 21.

“- Você está parecendo a equação de Euler. – murmurou ele, olhando para mim de cima a baixo.

Tradução nerd: dizem que a equação de Euler é a fórmula mais perfeita já feita. Simples mas elegante. Bonita.” Pág. 38.

“Não me lembro do resto do baile. Está perdido com outros segundos insignificantes de minha vida. Eu. Steven. Ty. Tempo passando. Eu não sabia aproveitar aquele momento na poista, entender como ele era bonito e raro, frágil, efêmero, quandp Ty estava feliz. Quando éramos todos felizes, e estávamos juntos, e estávamos seguros.

Eu não sabia.” Pág. 40.

“Quero acordá-la, tirá-la dali, porque não está certo ela estar naquele lugar. Não é saudável. Mas a deixo dormir. Por que, pelo menos por enquanto, ela não parece estar com dor.” Pág. 53.

“No fim, eu não deveria ter me preocupado se ele cumpriria sua promessa. Deveria ter pensado se eu cumpriria a minha.” Pág. 61.

“As melhores coisas são assim, Lex, as mais lindas. Parte da beleza vem do fato de elas viverem pouco.” Pág. 63.

“Tudo muda, penso. Está é a única constante. Todos crescemos.

Quase todos nós.” Pág. 121.

“Talvez seja isso o que está me impedindo de contar às pessoas: a esperança.

Não estou mais acostumada com a esperança.” Pág. 167.

“O perdão é confuso, Alexis, porque, no fim, tem mais a ver com você do que com a pessoa que está sendo perdoada.” Pág. 288.

“É um baita clichê, a ideia de que ‘o tempo cura todas as feridas’, mas é verdade. Os clichês são clichês por algum motivo, acho.” Pág. 292.

“ – Você não poderia tê-lo salvado – respondo. – ninguém além dele mesmo poderia tê-lo salvado. E você provavelmente está certo. Ele não ligou para ser salvo. Ligou para dar o último adeus.” Pág. 326.

“Não consigo mais chorar. Acho que essa parte minha quebrou.” Pág. 335.

“ – As pessoas que amamos nunca se vão realmente. – diz ele. – Não aprendeu isso?” pág. 343.

Por Bárbara Nakano

Anúncios

2 comentários sobre “QUOTES – O ÚLTIMO ADEUS

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s